27 de set de 2016

#PrimeirasImpressões: Supermax





Ousadia. Essa parece ser a palavra de ordem na Globo nesse segundo semestre, principalmente no que diz respeito às suas séries e minisséries que, fugindo do óbvio, vem surpreendendo o público. E se Justiça foi um enorme sucesso e uma lufada de renovação, vemos que a emissora continua investindo nesse caminho com Supermax, a atração da segunda linha de shows da Globo, que estreou  na terça-feira passada e que, durante 12 semanas, promete fazer a alegria dos fãs de uma história de suspense-terror.

Seguindo a iniciativa inaugurada em Justiça de liberar os episódios antecipadamente para os assinantes do Globo Play, a emissora foi ainda mais ousada ao liberar os 11 primeiros episódios de Supermax no aplicativo. Apenas o episódio final não está disponível aos assinantes, talvez numa tentativa de manter a atenção do público para o desfecho da história, que traz muitos segredos. Mesmo assim, eu curti a ideia e, como já me acostumei a consumir séries assistindo a um episódio atrás do outro, no conceito cunhado pelos americanos como binge-watching, achei maravilhoso poder conferir quase a série inteira antes dela ir ao ar na tela da Globo. 

26 de set de 2016

#VergonhaAlheia - Ano IV - # 29




Oi, pessoal. E um oi especial pra você que, assim como eu, ficou decepcionada(o) com o fato de que Eduardo Cunha vai lançar um livro. A gente aqui querendo um documentário com vários ângulos de câmera, a mulher dele com aqueles olhos arregalados pedindo socorro, ou pedindo pra Deus tirar o cisco que caiu no olho dela bem na hora da foto, mas não, vai lançar uma porra de um livro pra dizer que foi golpe. Ah vá. 

Mas a gente não tá aqui pra comentar sobre isso, né não? Estamos aqui pra falar das vergonhas da semana, então vamo? VAMO!

Celebridade: Anitta, sabem? Pois bem, Anitta fez amizade com o ex-High School Musical, Zac Efron, quando o moço esteve no Rio de Janeiro esses dias, nas Olimpíadas. Até aí tudo bem. Aí, quando questionada sobre o que rolou, no programa Legendários, a galera, incitada por um dos "humoristas", começou a gritar: "ASSANHADA! ASSANHADA!", ao que Anitta prontamente respondeu:

23 de set de 2016

#PopPílulas: Zulu, Solange, Porchat e Mais...





Olá, pessoal lindo, como vão? Essa semana nem temos muitos babados porque os que temos já valem por muitos. Por acaso alguém viu o clipe da Pepê e Neném com a coveira da Sônia Abrão? Se não viram, corram pro Youtube e catem essa desgraça! 
Lá na gringa a coisa ferveu. O casal Angelina Jolie e Brad Pitt se separou por diferenças irreconciliáveis e Marion Cotillard desmentiu que seria o pivô da separação e, Hugh Grant, que não tem nada a ver com isso, confessou que quando faz cenas de sexo ele arma a barraca. Uau! Vamos para mais fofocas novidades?

Ainda sobre o Paulo Zulu, que ouriçou todo mundo com sua foto pelado no Instagram, a verdade é que ele ia mandar a imagem por DM pra uma mulher, mas se enganou como todo mundo percebeu. Depois inventou aquele papo furado de que foi hackeado e chegou até a comparecer na Delegacia de Repressão aos Crimes de Informática no Rio de Janeiro. Contudo, seu advogado o convenceu de que informar um falso crime seria bem pior pra ele.

22 de set de 2016

#Cinema: Desculpe o Transtorno, de Tomás Portella





Vendido como o derradeiro filme do agora ex-casal Gregório Duvivier e Clarice Falcão, com direito a polêmica exagerada graças a uma coluna de Gregório em um jornal de grande circulação, em que o ator e humorista se derretia em elogios para sua ex enquanto também promovia o filme, Desculpe o Transtorno chegou aos cinemas com grande alvoroço  e instigando a curiosidade dos espectadores. Afinal, é uma comédia romântica com alguns dos atores mais famosos da trupe do Porta dos Fundos; é o filme que reúne um ex-casal que, ao se separar, gerou comoção de fãs e curiosos; reúne um elenco com rostos famosos e conhecidos por fazer (bem) comédia na internet e na televisão. Era de se esperar: será que o filme consegue ser tão bom quanto o burburinho que gerou?

Com uma história simples e até bobinha, Desculpe o Transtorno nos apresenta Eduardo, um jovem que depois do divórcio dos pais acabou se mudando para São Paulo na adolescência, acompanhando o pai e deixando a mãe no Rio. Depois da morte da mãe, anos depois, ele, que se tornou um paulistano chatinho e cheio de manias, que namora com Vivi, uma paulistana controladora e chata, precisa retornar ao Rio para o velório. Na cidade, é tomado pela personalidade de Duca, um carioca sangue bom e descomplicado, que acaba se envolvendo com Bárbara que, assim como ele, representa o esteriótipo de carioca zona sul vendido em todos os lugares. É claro que isso gera uma enorme confusão para Eduardo/Duca, que passa a se desdobrar em duas vidas que habitam um mesmo corpo.

21 de set de 2016

#Cinema: Star Trek: Sem Fronteiras, de Justin Lin





Confesso que não sou fã da clássica serie Star Trek (aquela dos anos 60), mas sempre soube um pouco sobre Spock e Capitão Kirk. Porém, fui apresentado a esse universo no ano de 2009, quando foi lançado um reboot de Star Trek, com a direção de J.J. Abrams, um de meus diretores prediletos juntamente com o mestre Quentin Tarantino. Desde então, mergulhei nesse universo fantástico e, no ano que a franquia completa 50 anos, somos presenteados com o terceiro filme dessa repaginação da série que, posso afirmar, foi realmente um presente para antigos e novos fãs das viagens na nave Enterprise. 

Enquanto cumpria uma missão de resgate, a tripulação da Enterprise é emboscada e, com muitos camisas vermelhas mortos, o restante da tripulação se vê encalhada em um planeta hostil. A premissa básica é uma boa oportunidade para separar o (ainda excelente) elenco em pequenos núcleos e seus momentos a cada um dos personagens. Em especial, Leonard McCoy deixa de ser uma participação de luxo para finalmente recuperar seus status como parte do trio principal, com direito a muito destaque a sua relação de amor e ódio com Spock. 

20 de set de 2016

#TOP 15: Mortes Inesperadas Que Abalaram os Telespectadores Brasileiros





O Brasil ainda está chocado com o falecimento repentino do ator Domingos Montagner. No auge de sua breve carreira televisiva ele colecionava reconhecimento da crítica e do público com trabalhos sempre memoráveis.

Além de Domingos, outros grandes profissionais nos deixaram enquanto trabalhavam em suas novelas. E nossa lista de hoje é para relembrar (e prestar nossa homenagem) a alguns destes que de forma súbita nos deixaram.

Vamos conferir?

19 de set de 2016

#VergonhaAlheia - Ano IV - # 28





E aí, gente, tudo certinho? Tudo beleza? Por aqui, com uma febre de trinta e oito que vai e volta, tá tudo mais ou menos, mas ninguém perguntou, ninguém quer saber.

Vamos começar com Celebridade. Alexandre Borges, sabem? Aquele ator da Globo? Lembraram? Pois bem. Surgiu este vídeo aqui:

Share