2 de fev de 2012

Glee - 03x11 - Michael


Essa terceira temporada de Glee está sendo ótima. #Fato. Se no segundo ano a série meio que perdeu o foco e alguns (muitos) personagens foram totalmente descaracterizados, o terceiro ano veio para consertar isso, com histórias coerentes e interessantes, que seguem um fluxo e não são apenas jogadas na tela para serem esquecidas logo depois. Os erros estão sendo corrigidos e tem sido um prazer acompanhar a série, que desde seu início foi amada pelos fãs que, mesmo contrariados, seriam incapazes de abandoná-la. A terceira temporada está provando que, algumas vezes, essa decisão pode ser acertada.

O maior problema dos episódios-homenagem de Glee sempre foi a história. Ou melhor, a falta de história. Eram episódios soltos, verdadeiros fillers que nada acrescentavam à trama, que serviam para agradar os fãs e nos brindar com mais músicas famosas com o Glee Cast nas nossas playlists. Se em The Power Of Madonna pelo menos havia uma traminha (boba) por trás do tributo, Britney/Brittany foi apenas uma sucessão de novas versões dos clipes de Britney Spears jogados na tela com a desculpinha das alucinações causadas pela anestesia do dentista. Não foi o que aconteceu em Michael, que mantém o nível da temporada, com um tributo interessante e que parece ter agradado a gregos e troianos.

Depois do número de Michael Jackson feito pelo New Directions nas Seletivas, o cantor pop volta à baila com o desejo das ex-Troubletones apresentarem canções do Rei do Pop. É a deixa para Will Schuester decidir fazer um novo número de Michael nas Regionais que se aproximam. O que ninguém contava é que o aprendiz de vilão Sebastian, dos Warblers, ia querer roubar a ideia, gerando todo o drama do episódio.

Desde que surgiu em cena para desestabilizar o casal Kurt-Blaine, Sebastian me agradou. O tipinho convencido e destruidor de casais caiu como uma luva na história. A postura ingênua-idiota do Blaine colaborou e eu via potencial para dramas sem fim para Kurt. O que eu não imaginava era que Sebastian se tornaria um vilãozinho de mão cheia, usando sua "amizade" com Blaine para espionar os rivais do New Directions. Pior ainda foi ver que o rapaz foi capaz de adulterar as famosas raspadinhas jogadas na cara dos personagens, incluindo sal na mistura, o que quase cegou Blaine. #Tenso (E pra quem não sabe, essa operação no olho será provavelmente a desculpa usada para afastamento provisório de Darren Criss de alguns episódios da série. O ator irá substituir Daniel Radcliffe no musical How To Succeed in Business Without e precisava de tempo para ensaiar.)


Enquanto isso, embalados por canções diversas de Michael Jackson, acompanhamos o destino de vários personagens sendo definidos. Quinn foi aprovada para Yale, dando finalmente um rumo em sua vida perdida. E a jovem cantando Never Can't Say Goodbye foi bem legal. E eu  nem preciso dizer que gosto muito da voz "pequena" da Diana Agron, né? É bom ver que depois de tudo que fizeram com a personagem, descaracterizando-a diversas vezes, ela continua sendo adoravel, mesmo irritando, às vezes. :-P

Kurt é outro que, apesar do que aconteceu com o namorado, foi brindado com a aprovação para NYADA. Como gosto dos momentos Burt/Kurt em Glee! O pai que aceita e torce pelo filho, apesar dele não obedecer aos padrões vigentes me emociona e me faz amar aquela família.

Enquanto isso, Rachel tinha de lidar com o pedido de casamento de Finn. Claramente em dúvidas quanto ao futuro de seu relacionamento, a jovem empurrou o quanto pode o momento de dar a sua resposta ao namorado. Mas Rachel é Rachel e ficou claro que ela somente disse o "Sim" quando achou que não iria para NYADA junto com Kurt e viu seus amigos planejando seu futuro e ela sem um referencial além do namorado. Claro que os roteiristas são cruéis e logo depois de aceitar o pedido ela foi aceita pra NYADA. E agora, Rachel?

Mostrando um amadurecimento dos personagens, a última apresentação do episódio, com o New Directions cantando Black or White para os Warbles e com Santana desmascarando Sebastian para seus amigos foi muito legal, principalmente pelo uso da mesma técnica que vimos no clipe original de Michael Jackson.

É fato: essa terceira temporada de Glee está excelente e espero que continue assim. O que parece que vai acontecer. Na semana que vem, o astro pop Ricky Martin fará uma participação especial na série. Até lá!
-->

1 comentários:

Shirley disse...

eu acompanho a série pela tv (não tenho saco pra assistir NADA na tela do pc...), e agora fiquei empolgadíssima pra assistir este episódio! :-D bjo, querido!

Share