27 de jun de 2012

Cheias de Charme: as Razões do Sucesso da Novela das 19h



O horário das 19h da Globo sempre foi um tanto quanto problemático. A grande pergunta de quem faz televisão é: quem assiste tevê nesse horário e o que agrada mais a esse público? Muitas novelas com potencial acabaram indo mal de Ibope e há muito não víamos uma grande campeã de audiência no horário. A Globo estabeleceu como ideal, uma média de 30 pontos no Ibope para as novelas dessa faixa. Somente para terem uma ideia, desde 2007, com Sete Pecados, uma novela não atinge essa média. Ou melhor, não atingia. Cheias de Charme vem conquistando a audiência com a história das três empreguetes que viram cantoras de sucesso e já é, desde já, um êxito absoluto de audiência.

Na última segunda-feira, 25/06, Cheias de Charme atingiu a excelente marca de 36 pontos no Ibope, com 59% de participação da audiência. Cada um desses pontos equivale a 60 mil domicílios na Grande São Paulo que estavam sintonizados na novela de Filipe Miguez e Izabel de Oliveira, estreantes como autores principais. Um feito e tanto, principalmente se levarmos em conta que nada demais aconteceu no referido capítulo, além daquilo que vemos - e nos diverte! - todos os dias.

Esse sucesso não é isolado. Cheias de Charme vem crescendo na audiência progressivamente e a tendência é que mantenha o público ligado em seus capítulos até o final da história, que empolga por ser extremamente simples, mas muito bem contada. Focada na chamanda "nova classe C", a trama das 19h (que começa quase às 20h) agrada a todos os públicos, que se interessam pelos dramas de Penha, Cida e Rosário e se divertem com as mil armações de Chayene, a vilã que mais se dá mal do que atinge seus objetivos.


Alguns fatores podem ser observados que explicam o sucesso incontestável de Cheias de Charme. O clima de fábula usado pelos autores é um deles. Tudo é colorido e surreal na novela e é isso que nos faz amar tanto essa história. Os sonhos mirabolantes de Chayene e seus planos sem noção atraem o público infantil, que se identifica com as situações semelhantes às vividas pelos vilões de desenhos animados. Ao mesmo tempo, os adultos não acham a atração tatibitati e se divertem com o que é apresentado na tela da tevê.

Fora isso, o elenco é um grande acerto. As empreguetes vividas por Taís Araújo, Leandra Leal e Isabelle Drummond convencem como a batalhadora Penha, a jovem em busca do sucesso Rosário e a sonhadora Cida. Ricardo Tozzi, vivendo Inácio e Fabian, dá conta do recado com os dois papéis bem diferentes que lhe cabem. E Claudia Abreu rouba a cena como Chayene, a cereja do bolo dessa novela. 

Mas não são só os protagonistas que garantem o sucesso da novela. Personagens como Brunessa (Chandelly Braz), Socorro (Titina Medeiros), Rodinei (Jayme Matarazzo), Tom Bastos (Bruno Mazzeo) e Sandro (Marcos Palmeira) sempre garantem as gargalhadas na história, mas o elenco como um todo está muito bem. Não vejo um nome sequer que esteja mal na história, exceto o de Jonatas Faro e seu Conrado, que não convence nem como galã nem como vilão. 



O texto inspirado é outro ponto positivo da novela. Os estreantes Filipe Miguez e Izabel de Oliveira são inspirados nos diálogos e tenho certeza que já entraram para o time de autores da Globo com o sucesso dessa novela. Contando com diálogos divertidos e citações hilárias, o texto flui e mantém a atenção do telespectador que volta todos os dias para acompanhar a novela. Por exemplo, o é Chayene alfinetando Ivete Sangalo em Gabriela e comentando que foi convidada para viver a personagem principal da novela das 23h; ou Brunessa conversando com Cida e dizendo que se sentiu a própria Nina enganando a Carminha de Avenida Brasil ao começar a trabalhar na casa dos Sarmento como espiã da empreguete? #EuRiAlto

A novela também utiliza-se de um artifício essencial para o sucesso nos dias atuais: a internet! Conversando com o novo telespectador, que assiste a novela enquanto está no Twitter, no Facebook e no Youtube, Cheias de Charme encontrou um filão interessante ao investir no público que comenta os acontecimentos da novela nas redes sociais. Uma prova desse sucesso, foi a tática de liberar primeiro na internet o vídeo do primeiro sucesso das cantoras da novela, Vida de Empreguete, antes mesmo dele ir ao ar na televisão. O resultado é que o vídeo transformou-se num viral que foi compartilhado e curtido por milhares de internautas que também foram conferir a estreia do vídeo na própria novela. Tudo isso de forma orgânica e bem feita!

Cheias de Charme está aí para provar que é possível fazer uma novela de sucesso, que atrai todos os públicos e pode ser assistida por toda a família! Resta saber se as próximas atrações do horário conseguirão manter a audiência conquistada pelas empreguetes e fidelizar esse "novo" público que voltou a assistir a televisão no horário. 

Material bom a Globo tem em mãos: a nova novela das 19h será assinada por Sílvio de Abreu, numa nova versão de Guerra dos Sexos, sucesso dos anos 80, que voltará ao ar com grande elenco e dirigida por Jorge Fernando. Segurará a onda? Guerra dos Sexos tem estreia prevista somente para 1º de outubro. Até lá, ainda temos muito o que nos divertir com as empregues de Cheias de Charme.

OBS: Aproveite e vote na nossa enquete aí do lado e nos dê a sua opinião sobre a melhor novelas das 19h dos últimos tempos! É só clicar e votar!


Para ficar atualizado com todas as novidades do PdB, curta nossa página no Facebook (clicando aqui) e nos siga no Twitter (clicando aqui). É fácil, rápido e super prático!

Sigam-nos os bons!

0 comentários:

Share