26 de jun de 2012

The Glee Project - 02x03 - Vulnerability


-->

Um reality show é feito de seus participantes e da dinâmica utilizada na produção, certo? Quando os participantes são interessantes e o formato promissor, é fácil acompanhar a atração, torcer por seus preferidos e ficar p da vida com algumas injustiças. Pois pra mim, em The Glee Project, mais do que os candidatos a uma vaga em Glee, das apresentações e de todo os bafos que envolvem os episódios, uma coisa chama mais a atenção e me faz assistir empolgando o programa: Ryan Murphy

Sério, adoro o criador e diretor de Glee e suas decisões à la Silvio Santos que tanto movimentam o programa. Nesse terceiro episódio, Vulnerability, não foi diferente e, apesar do meu ódio eterno por um participante que acabou beneficiado, curti a intervenção de Ryan!

Mas, deixemos pra falar sobre isso no final e vamos aos comentários sobre o episódio que foi bem intenso ao trazer logo para o início da temporada um dos temas mais intensos do ano passado, a vulnerabilidade!

  • Tarefa da Semana: My Life Would Suck Without You
Depois de Lea Michele e do insosso Samuel Larsen, Cory Monteith para mentor da semana. Parece que nesse ano eles não estão economizando na escolha dos mentores, o que acaba sendo interessante. Mas alguém mais achou que Chris Colfer teria sido uma escolha bem mais apropriada para mentor do tema vulnerabilidade do que Cory? Sei lá, o intérprete de Finn tem cara de paspalho, mas não passa nenhum ar vulnerável para ser interessante em um episódio temático como esse. Whatever, foi o que tivemos na semana.


Momento para falar do personagem mais antipático da temporada: de novo, Mario? Putz, que cara insuportável! Acho o cara arrogante e chato ao extremo. Fora que vive arrumando confusão por tudo, querendo seus direitos (???), achando que sempre pode escolher primeiro que os outros. Isso tudo aliado à sua total inexistência de beleza (desculpaê, mas eu sou fútil!) já o transformaram no pior participante da temporada, aquele que eu vejo no ar e me pergunto: por quê ele ainda está nesse programa, meu Deus? Por quê?

Achei estranho a escolha dessa música da Kelly Clarkson para o tema da semana, já que como bem pontuou Charlie, My Life Would Suck Without You é um tanto quanto agitada para o tema vulnerabilidade. Pensando aqui, consigo me lembrar de uma penca de músicas que se enquadrariam melhor no tema, inclusive uma outra da Kelly Clarkson: Because of You. Enfim, não sou eu que faço a seleção das músicas, né, meu povo? Mas a apresentação acabou até que bem interessante e eu tenho gostado cada vez mais da execução dessas tarefas, muitas vezes até mais que dos clipes da semana. 

Curti: Shanna, Mike, Blake e Aylin
  • Videoclipe: Everybody Hurts
Muito bom o lance de focarem na atuação dos candidatos. Afinal, Glee é uma série e não basta você apenas cantar bem para fazer parte do elenco. 

O brain storm antes da gravação, com todo mundo se lembrando da época de escola, do bullying sofrido (e praticado) e toda aquela choradeira me soou tão... artificial. Alguém realmente engoliu a "dor" do Blake por não ter ajudado alguém que apanhava de um valentão. A-ham que ele se sentiu mal com isso. Conversa pra ganhar o público e os mentores. E não me entendam mal, eu gosto do Blake e acho sua encenaçãozinha muito útil nesse tipo de programa. 

E o carnaval todo em cima do Charlie porque ele pegou a bengala de Mario? Ele interpretava um valentão e, sinceramente, não vi perigo nenhum nessa ação. Tem horas que os mentores querem ser certinhos demais e acabam sendo um saco. Eu achei a ideia de Charlie pró-ativa e super contextual dentro do que se pedia. Eu daria um bônus pra ele pela ideia! Nem tivemos a sorte do Mario cair, ficar contundido e ser afastado do programa! :-P 

Detalhe: eles usaram a cena no vídeo final! Quer dizer...

Fora que curti MUITO a interação Lily e Aylin. 

No geral, achei o clipe legalzinho. E só.
  • Last Chance e Eliminação

O povo adora a Nellie e achou um absurdo ela vencer a Tarefa da Semana e acabar entre os cinco piores na execução do clipe. Sinceramente? Não vejo nada demais na menina. Canta bem e tal, mas só. Sem graça ao extremo. Não tem o carisma de Aylin, a atitude de Shanna, a raiva em ebulição de Lily. Ou seja, tem gente MUITO melhor que Nellie nesse elenco.

No fim das contas, acabaram tendo de se apresentar para Ryan Murphy o trio formado por Charlie (por causa da tempestade em copo d'água por ter tomado a bengala do chato do Mario), Lily (ela não consegue dublar, oi???) e Mario (elimina, elimina, elimina!).

O legal foi a decisão de Ryan Murphy de não eliminar ninguém nessa semana. Apesar do meu ódio eterno pela cantora Katia pelo insuportável Mario e sua síndrome de Diva, acabou sendo bom, pois não tivemos a eliminação de Charlie ou Lily. Convenhamos: na semana passada já houve uma eliminação dupla, graças à desistência de Taryn, uma hora teríamos um episódio sem ninguém eliminado e que bom que foi agora!

O programa continua interessante e semana que vem tem mais, com a temperatura subindo com um tema pra lá de caliente: sexualidade! Até lá!

Para ficar atualizado com todas as novidades do PdB, curta nossa página no Facebook (clicando aqui) e nos siga no Twitter (clicando aqui). É fácil, rápido e super prático!

Sigam-nos os bons!

-->

0 comentários:

Share