28 de ago de 2012

True Blood - 05x12 - Save Yourself (Season Finale)


-->
Alguns amaram e outros odiaram. Mas, pela minha vasta sabedoria sobre True Blood, devo confessar que, para um encerramento de temporada, essa season finale foi muito, muito fraca. Mesmo com o peso de estar em seu 5º ano, a série não conseguiu inovar nem mesmo motivar os espectadores a aguardarem ansiosamente pela 6º temporada.



Tudo começou pela maior besteira já cometida em True Blood: o que foi aquela morte ridícula de Russel? Todos esperavam uma carnificina de fadas e humanos, uma luta entre ele e Eric, mas essa true death tão vazia? Ele foi o maior vilão de todo o seriado, protagonizou essa temporada e morre nos primeiros segundos desse episódio sem nenhum direito de defesa? Pelo menos o responsável por isso foi Eric, que se vingou pela morte de sua família e salvou as fadas enquanto nosso querido Steve Newlin se mandava.


Os roteiristas ainda não satisfeitos, investiram na futilidade da cena de Andy e suas quatro filhas. WTF Brasil? Eu esperei este último episódio marejando os olhos, aguardando por mortes significativas e sou obrigada a ver Alcide lutando pelo bando, como assim? O lobisomem ficou super apagado e, de repente, resolveram mostrá-lo só pra deixar bem claro que não estaremos livre na próxima temporada.

Para aproveitar que está todo mundo pirando, Jason foi mais uma vítima e começou a ter visões de seus pais mortos. Não dava para matar o irmão de Sookie e trazer um pouco de emoção à série?


A invasão à Autoridade foi ótima, aquele monte de pelanca de sangue voando, os equipamentos de segurança sendo desativados bruscamente e a linda fuga de Sam, Luna e Emma com direito a uma morte brutal de uma das chancellers. É claro que não posso deixar de falar do tão esperado beijo de Tara e Pam, eu os avisei, não é?


Não sei vocês, mas eu esperei uma verdadeira guerra desse episódio: casas ruindo, Merlotte's bar no chão e muito sangue, mas o máximo que conseguimos chegar disso foi o discurso idiota de Sookie tentando reverter a possessão religiosa de Bill, que foi inútil. Até eu pensei que Evil Bill havia pego o primeiro vôo para o inferno, mas a única jogada de mestre do seriado foi transformá-lo em um Deus da Destruição. Confesso que não esperava por isso, mas só vou confirmar essas expectativas na próxima temporada.


É, Warlow não deu as caras mas já é previsível sua presença na próxima temporada. 

Vejo vocês ano que vem, mais precisamente no mês de julho com, quem sabe, o encerramento da série. Enquanto isso, fiquem com as cenas excluídas deste episódio. 


Até mais fangs!

Para ficar atualizado com todas as novidades do PdB, curta nossa página no Facebook (clicando aqui) e nos siga no Twitter (clicando aqui). É fácil, rápido e super prático!

Sigam-nos os bons!

-->

0 comentários:

Share