17 de mar de 2013

Grey's Anatomy - 09x17 - Transplant Wasteland





Mudanças. Quantas vezes eu comecei uma review de Grey's Anatomy usando essa palavra? Somente nessa temporada foram inúmeras as vezes em que a mudança esteve no centro dos acontecimentos da série e em Transplant Wasteland isso não poderia ser diferente. Às vezes, lutamos tanto por algo, mas quando o conseguimos é bastante difícil de administrá-lo. Quem nunca passou por uma situação assim, não é mesmo?

Os médicos sobreviventes ao desastre de avião fizeram o possível e o impossível para manter o Seattle Grace aberto. Quando finalmente conseguiram um investimento para se tornarem sócios em conjunto com a fundação Avery, entretanto, a possibilidade de ter Jackson como o maior chefe de todos tornou-se um pesadelo. Jovem, inexperiente e lidando com diversos egos, Jakson ficou completamente perdido na história, principalmente quando teve de atuar como ponte entre a Fundação e o novo conselho do hospital.

Hunt, ao saber que a Fundação queria substituí-lo e depois de mais um embate com Sheppard, acabou pedindo demissão. Com a ausência do até então chefe, o hospital virou uma bagunça, com confusão de processos e sem nenhuma adminsitração competente para organizar as cirurgias.


Nos casos da semana, três histórias interessantes bem ligadas com a trama. A jovem que precisava de um transplante de rim, mas vivia os dilemas da idade; os idosos que se odiavam mas que acabariam em um transplante dominó; e o médico que, com uma doença incurável, decidiu se submeter a uma morte assistida para poder doar os órgãos para outras pessoas. Pacientes metáforas e com histórias ricas para a série.

Com um final bonitinho, com Avery resolvendo os problemas e se impondo como chefe, readmitindo Hunt e, ao mesmo tempo em que dando voz ao conselho, o toque de emoção ficou por conta do novo nome escolhido para o hospital. De Seattle Grace Hospital a Seattle Grace Mercy West Hospital, o famoso hospital, um dos principais personagens de Grey's Anatomy, acaba de ganhar um novo e singelo nome, que serve para lembrar a todos os motivos dele ser atualmente adminsitrado por médicos:

Grey Sloan Memorial Hospital

Em um episódio interessante e com três casos que estiveram fluidos dentro da trama principal, Grey's Anatomy continua apresentando um bom ano, que me surpreende por sua originalidade. Em nove temporadas, um enredo que prenda e nos faça querer voltar semana após semana (até mesmo achando ruim quando temos hiatos) é um feito e tanto para Shonda Rhimes.
Leandro Faria  
Leandro Faria, do Rio de Janeiro, fruto da década de 80, viciado em cultura pop em geral. Como vício bom a gente alimenta e compartilha, estou aqui para falar de cinema, televisão, música, literatura e de tudo mais que possa (ou não) ser relevante. Por isso, puxe a cadeira, se acomode e toma mais um copo, porque papo bom a gente curte é desse jeito!
FacebookTwitter
Para receber os artigos do PdB por email e ficar por dentro de tudo que rola em nosso boteco, basta inserir seu contato abaixo e, pronto! Os melhores artigos, servidos de bandeja para você, da maneira mais cômoda e prática da internet:



0 comentários:

Share