21 de nov de 2013

Dois Rios, de T. Greenwood



Uma das minhas diversões preferidas como leitor é ser surpreendido por um livro do qual eu não tinha nenhuma informação. Saborear a descoberta de uma história envolvente, me encantar e embarcar na vida de personagens fictícios que, sem sobreaviso ou qualquer expectativa, nos levam a viajar a cada página do livro. Dois Rios, da escritora americana T. Greenwood tem essa capacidade e se mostra como um verdadeiro deleite para os fãs de boa literatura.

Lançado no Brasil pela Editora Novo Conceito, Dois Rios narra a história de Harper Montgomery em três linhas narrativas, em uma interessante forma narrativa adotada por T. Greenwood. A Dois Rios que dá título ao livro nada mais é que a cidade onde o enredo se desenrola e que é o lar de Harper. É em Dois Rios que ele conheceu Betsy, o amor de sua vida, e que também foi o local da morte de sua companheira. Anos depois desse incidente, com uma filha adolescente para criar, um acidente de trem traz à porta de Harper a jovem grávida e negra Maggie, que pode ter mais a ver com a história de Harper do que ele próprio desconfia.

Calcado na história de um amor de uma vida inteira, mas com doses de suspense e um segredo sufocante do protagonista, Dois Rios se passa em uma época passada, quando a segregação racial ainda era mais proeminente nos EUA do que atualmente. Com uma pitada histórica e uma trama envolvente, é impossível não se emocionar com a vida e os revezes da vida de Harper Montgomery.

T. Greenwood, com sua escrita precisa e sem muitos floreios, nos leva nessa viagem ao passado oferecida por Dois Rios com uma maestria admirável. Fazendo a história intercalar-se no passado e no presente (da trama) a cada capítulo, a autora insere em nós a curiosidade de saber como os fatos se desenrolaram para que a vida de Harper esteja como a vista na época presente da história. E nos embarcamos facilmente nesse suspense, principalmente no que diz respeito ao grande segredo da trama, que é muito bem desenhado e impactante.

Fugindo da atual leva de romances adolescentes e monotemáticos, Dois Rios é literatura consistente, que nos faz refletir e analisar nossas próprias vidas e decisões quando comparadas às do protagonista Harper. Nesse aspecto, T. Greenwood mostra que é uma romancista a ser observada e já entrou para minha lista de leitura obrigatória, ao ponto de Um Mundo Brilhante, seu outro livro já lançado no Brasil, já constar na minha fila de "a serem lidos".

Dessa forma, se você procura ler e se emocionar, não perca tempo e conheça a vida de Harper Montgomery dentro das páginas de Dois Rios. Afinal, um pouco de leitura substancial não faz mal a ninguém e merece ser apreciada.

Autora: T. Greenwood
Páginas: 448
E você, curtiu o Pop de Botequim e quer colaborar com a gente? Se gosta de cultura pop, aprecia escrever e quer ser lido, não perca tempo e mande já um email pra gente! Vai ser um prazer ter você em nosso botequim! Entre em contato já e saiba como participar! Aguardamos seu contato através do nosso email: popdebotequim@gmail.com

Leandro Faria  
Leandro Faria, do Rio de Janeiro, fruto da década de 80, viciado em cultura pop em geral. Como vício bom a gente alimenta e compartilha, estou aqui para falar de cinema, televisão, música, literatura e de tudo mais que possa (ou não) ser relevante. Por isso, puxe a cadeira, se acomode e toma mais um copo, porque papo bom a gente curte é desse jeito!
FacebookTwitter

1 comentários:

Raphael Heide disse...

• Tenha seus links no Mypixeland.com aceitos.
• Aumente o tráfego de seu site.
• Pingbacks dinâmicos.

Inclua nosso código em seu site. Visite o link:

http://mypixeland.com/parceiro/parceiro.php

Cordialmente,

Mypixeland.com

Share