31 de dez de 2013

#ValeUmPlay: Angus & Julia Stone




Pra acabar o ano numa boa, nada melhor que encher os ouvidos e a alma com música da melhor qualidade. E minha dica sonora do último #ValeUmPlay de 2013 é o som das doces vozes de Angus & Julia Stone.

A dupla é formada por um casal de irmãos de New Port, Austrália. Eles lançaram seu primeiro trabalho, o EP Chocolates & Cigarettes, em 2006, na Austrália, pela gravadora EMI, e no Reino Unido pela gravadora Independente. Neste primeiro trabalho como dupla, encontram-se 6 faixas:

Antes desse trabalho, Angus e Julia faziam performances como artistas solo, mas cada um usava o outro como voz de fundo. São compositores de suas próprias canções, escrevendo separadamente e trabalhando juntos na estrutura e na harmonia, sempre belíssimas, diga-se de passagem, apesar de ambos possuírem estilos vocais distintos.

Mesmo com o caprichado EP de estreia, Angus e Julia foram lançados ao estrelato apenas dois anos depois, em 2008, com o álbum A Book Like This, com 13 faixas, todas com uma pegada folk gostosíssima, onde se destacam:
Mais dois anos se passaram e, em 2010, a dupla de lindos e talentosos irmãos australianos lançaram o que é, até o momento, o último álbum da banda. Infelizmente, Julia e Angus desfizeram a dupla, pelo menos temporariamente, e voltaram a cantar separadamente, mas fecharam a curtíssima carreira juntos, com chave de ouro cravejada de brilhantes. Presentearam os fãs com um álbum lindíssimo de 13 faixas e mais uma versão DeLuxe com outras 10 canções, completando um total de 23 músicas que são um êxtase de paz e tranquilidade. Este Down the Way deve ser apreciado por inteiro calmamente, assim como os outros dois anteriores também, então não tenha pressa em ouvir uma por uma das faixas:


A música feita por Angus e Julia Stone com toda certeza não é pra todos os ouvidos e nem pra qualquer ocasião. Tem um tom intimista e introspectivo que nos convida a parar pra respirar e desestressar um pouco dessa loucura da vida urbana e refletir, contemplar, fechar os olhos, sentir o vento batendo no rosto e entrar em contato com nossas emoções mais puras, mais simples e até verter algumas lágrimas que é o que sempre leva embora aquilo, o que quer que seja, que fica machucando a gente.

E o que mais me fascina no som da dupla é que eles parecem cantar pra eles apenas, não pra agradar os ouvintes, mas pra preencher algo que falta dentro deles mesmos, totalmente low profile, melancólico, com seus tons baixos e suaves acabam atingindo o mais profundo de quem os escuta. Eu sinto desse jeito e pago o maior pau pra dupla, que torço, voltem a gravar juntos.

E como despedida de 2013 e boas vindas à 2014 dê vários plays em Angus e Julia Stone e traga bons fluidos ao ano que vai nascer.

Um brinde a todos vocês e um 2014 recheado de realizações a cada um dos nossos queridos e amados leitores do Pop de Botequim! Cheers!
E você, curtiu o Pop de Botequim e quer colaborar com a gente? Se gosta de cultura pop, aprecia escrever e quer ser lido, não perca tempo e mande já um email pra gente! Vai ser um prazer ter você em nosso botequim! Entre em contato já e saiba como participar! Aguardamos seu contato através do nosso email: popdebotequim@gmail.com

Leandro Faria  
Esdras Bailone: leonino, romântico, sonhador, estudante de letras, gaúcho de São Paulo, apaixonado-louco pelas artes e pelas gentes.
FacebookTwitter

0 comentários:

Share