24 de jan de 2014

O Chamado do Cuco, de Robert Galbraith



Para os apreciadores de um bom livro policial, O Chamado do Cuco não é a melhor obra no gênero que eu indicaria, mas tem algumas variáveis que são difíceis de ser encontradas em outros livros. Para quem não sabe, Roberto Galbraith é o heterônimo da renomada J.K Rowling, criadora de Harry Potter, o bruxinho mais famoso da literatura e do cinema.

Apesar da informação ter vazado, a escritora publicou o livro para saber qual seria sua repercussão sem o peso de seu nome. O segredo, entretanto, não durou muito tempo e, assim que caiu na mídia, O Chamado do Cuco permaneceu durante semanas na lista dos livros mais vendidos do mundo.

Com uma pegada totalmente diferente da ficção passada em Hogwarts, o enredo conta a história do fracassado Cormoran Strike, que já foi um detetive prestigiado, mas que agora, recém-separado, vive em seu próprio escritório contando moedas para sobreviver.

A trama gira em torno do suicídio misterioso de uma famosa top model, Lula, que não tinha um bom histórico mental. Apesar da polícia londrina confirmar a morte como suicídio, o irmão da pobre moça rica insiste na hipótese de homicídio e, para provar sua teoria, procura Strike.

O que se espera a partir daí é um desenrolar de acontecimentos que justificariam a morte de Lula mas, ao contrário de um livro policial normal, nos deparamos também com passagens da vida de Strike e seu relacionamento complicado com a secretária temporária Robin, além de seus sentimentos confusos sobre a ex-mulher.

Na mistura gostosa de suspense e drama, a escrita extremamente detalhista, ponto forte de J.K, cansa em alguns momentos mas se supera ao descrever um personagem principal sem carisma, vaidade e beleza. Nos tornamos reféns da inteligência de Strike, de seus jogos de manipulação para conseguir o que quer e seu jeito tranquilo e pacífico. Quem mais se apaixonaria por um detetive sem uma perna e com poucos atrativos?

O que realmente aconteceu com Lula e quem é o responsável pela sua morte você só vai saber mesmo nas últimas páginas do livro. Mas o caminho até lá é agradável.

Provavelmente o primeiro volume de uma nova série, O Chamado do Cuco é diversão descontraída. Entretanto, não prometo ler um possível próximo livro. Mas, se eu mudar de ideia, vocês certamente saberão disso. ;-)

O Chamado do Cuco
Autor: Robert Galbraith
Páginas: 448
Editora: Rocco
E você, curtiu o Pop de Botequim e quer colaborar com a gente? Se gosta de cultura pop, aprecia escrever e quer ser lido, não perca tempo e mande já um email pra gente! Vai ser um prazer ter você em nosso botequim! Entre em contato já e saiba como participar! Aguardamos seu contato através do nosso email: popdebotequim@gmail.com


Ariadny Theodoro  
Ariadny Theodoro,incansavelmente bipolar e a primeira mulher da trupe do PdB. Apaixonada por literatura, séries de televisão, teatro e fotografia digital, escreve por necessidade de manifestar suas diversas paixões, nem sempre compreendidas pelos demais. Escreve sobre tudo - o bom e o ruim! Afinal, alguém tem de ter a difícil tarefa de alertar ao mundo que nem tudo é sempre bom!
FacebookTwitter

0 comentários:

Share