7 de jan de 2014

Primeiras Impressões: Amores Roubados




Todo mundo já sabe: o ano sempre começa com alguma minissérie de qualidade impecável na Rede Globo. E depois do sucesso da aclamada O Canto da Sereia no início de 2013, caiu sobre Amores Roubados, nova aposta da emissora no gênero, a expectativa de arrebatar os telespectadores noturnos.

Realizada pelos mesmos responsáveis por O Canto da Sereia (roteiro de George Moura, com direção geral de José Luiz Villamarim e fotografia de Walter Carvalho), Amores Roubados é livremente inspirada no livro A Emparedada da Rua Nova, do jornalista pernambucano Carneiro Vilela, que foi originalmente publicado como um folhetim de jornal. A adaptação televisiva terá 10 capítulos e trouxe a trama para o sertão contemporâneo.


Filho de uma prostituta vivida por Cassia Kis Magro, o jovem Leandro, personagem de Cauã Reymond (que tem um nome MUITO legal na série), é um sommelier galanteador e com um quê de Don Juan, cuja maior especialidade não é apenas provar vinhos: ele seduz mulheres. De origem pobre, ainda não entendemos as motivações do rapaz, mas ele já levou Celeste (Dira Paes) para a cama e ficou claro que Isabel (Patrícia Pillar) será outra a cair em sua lábia. Óbvio que isso não dará certo, já que o prólogo inicial, com Leandro ferido e trocando tiros enquanto dirige, deixou isso bem claro.

A mocinha da história, Antônia (Ísis Valverde) é outra que terá um envolvimento com Leandro. Mas, enquanto isso não acontece, acompanhamos seu descontentamento com o pai Jaime, vivido por Murilo Benício fazendo papel de... Murilo Benício. Completam o elenco um excelente Osmar Prado e um desconhecido Irandhir Santos, que tem tudo para roubar a cena como um invejoso afilhado de Jaime.


Fugindo do eixo Rio-São Paulo e totalmente ambientada no Vale do São Francisco, Amores Roubados tem fotografia primorosa de Walter Carvalho, apresentando um sertão belo e árido, que é quase como um personagem da trama. A direção cuidadosa de José Luiz Villamarim é outro ponto forte, ao lado do trabalho dos atores, todos muito bem em seus personagens, já claramente apresentados no capítulo de estreia.

Com 10 capítulos para apresentar sua trama, deu para perceber na estreia que o cuidado e o requinte da produção serão o ponto alto dos fins de noite nas próximas duas semanas. Prometendo ganchos diários e um ritmo de série (americana), Amores Roubados é entretenimento da melhor qualidade, pra começarmos o ano felizes com a produção nacional.
E você, curtiu o Pop de Botequim e quer colaborar com a gente? Se gosta de cultura pop, aprecia escrever e quer ser lido, não perca tempo e mande já um email pra gente! Vai ser um prazer ter você em nosso botequim! Entre em contato já e saiba como participar! Aguardamos seu contato através do nosso email: popdebotequim@gmail.com

Leandro Faria  
Leandro Faria, do Rio de Janeiro, fruto da década de 80, viciado em cultura pop em geral. Como vício bom a gente alimenta e compartilha, estou aqui para falar de cinema, televisão, música, literatura e de tudo mais que possa (ou não) ser relevante. Por isso, puxe a cadeira, se acomode e toma mais um copo, porque papo bom a gente curte é desse jeito!
FacebookTwitter

0 comentários:

Share