29 de mar de 2014

Frozen - Uma Aventura Congelante, de Chris Buck e Jennifer Lee




Vencedor dos Oscars de Melhor Filme de Animação e de Melhor Canção (para Let it Go) desse ano, Frozen - Uma Aventura Congelante (Frozen, no original) é uma animação como há muito a Disney não produzia sozinha. É claro que desde a fusão com a Pixar vários longas de animação de sucesso foram lançados, mas nenhum apenas com o selo Disney, como é o caso de Frozen. E, se demorei um pouco para conferir o longa, foi porque marquei uma tremenda bobeira, pois trata-se de um filme encantador e empolgante, que vem alegrando o público desde o seu lançamento, no ano passado.

Contando a instigante trama de duas irmãs, Anna e Elsa, que, devido aos poderes da segunda, acabam afastadas e tendo de lidar com uma brusca mudança climática, Frozen é uma história adorável, livremente baseada no conto A Rainha do Gelo, de Hans Christian Andersen.

Quando crianças, um acidente envolvendo os poderes com o gelo de Elsa, acabou ferindo a caçula da família real, Anna. A partir de então, Elsa foi criada à parte, até que, anos após a morte dos pais, ela precisa ser coroada rainha. Quando seus poderes vem à tona, acidentalmente durante a coroação, Elsa acaba se refugiando longe do reino de Arendell, sem saber que o condenou a um inverno eterno. É então que Anna deixa seu noivo recém conhecido, Hans, tomando conta do reino e parte em uma aventura junto com o jovem Kristoff para trazer sua irmã de volta e mudar a situação.


Contando com uma fotografia arrebatadora, que se aproveita das paisagens de inverno para apresentar quadros maravilhosos, Frozen é uma obra de arte que demorou 11 anos para efetivamente sair do papel. Com uma produção iniciada em 2002 e interrompida duas vezes antes de finalmente acontecer, a história encontrou no roteiro de Jennifer Lee o equilíbrio perfeito que a história precisava, tendo a roteirista, juntamente com Chris Buck, como diretores.

Um fato interessantíssimo sobre a produção do longa tem a ver com a personagem Elsa. Inicialmente uma grande vilã, a personagem teve seu caráter mudado depois que a canção Let it Go ser composta para o filme. Interpreta magistralmente por Idina Menzel no longa (na sequência que pode ser vista abaixo), a música mostrava que a personagem poderia ser muito mais interessante que uma simples vilã e, por isso, o roteiro foi reescrito, tranformando-a em uma jovem desesperada por não conseguir controlar seus poderes.



Contando com personagens interessantíssimos, a dublagem original apenas favorece a empatia do público por eles. Vividos por Idina Menzel (de Glee), Kristen Bell (de Veronica Mars) e Jonathan Groff (de Looking), o trio de protagonistas Elsa, Anna e Kristoff, respectivamente, são cativantes e verdadeiros. Isso sem contar os excelentes personagens Sven, a rena de Kristoff, e Olaf (dublado por Josh Gad), que garantem momentos de descontração e riso fácil na história.

Simples e bem feito, Frozen - Uma Aventura Congelante é um programa delicioso para a família. Tem bons personagens, uma história incrível e uma trilha sonora imperdível. Se, assim como eu, deixou passar o filme quando foi lançado, siga meu exemplo e não se arrependa: corrija essa falha e veja o longa já! Você irá se encantar!
E você, curtiu o Pop de Botequim e quer colaborar com a gente? Se gosta de cultura pop, aprecia escrever e quer ser lido, não perca tempo e mande já um email pra gente! Vai ser um prazer ter você em nosso botequim! Entre em contato já e saiba como participar! Aguardamos seu contato através do nosso email: popdebotequim@gmail.com

Leandro Faria  
Leandro Faria, do Rio de Janeiro, fruto da década de 80, viciado em cultura pop em geral. Como vício bom a gente alimenta e compartilha, estou aqui para falar de cinema, televisão, música, literatura e de tudo mais que possa (ou não) ser relevante. Por isso, puxe a cadeira, se acomode e toma mais um copo, porque papo bom a gente curte é desse jeito!
FacebookTwitter

1 comentários:

Paola Sánchez disse...

Não importa quantos anos você está congelado é um filme que cativa com a sua história. Os personagens eram um sucesso, o meu favorito é Frozen, com a voz do ator Josh Gad, que como vemos no recente filme Padrinhos Ltda. A fim de não fit medida que a Disney teve muito sucesso com este filme.

Share