20 de jan de 2015

Primeiras Impressões: Marvel's Agent Carter





Admito que sou fã de HQ’s, filmes de super-heróis, e tudo que envolva essa temática. Minha irmãzinha vive me dizendo que sou nerd por gostar dessas coisas e, para minha alegria, mais uma serie da Marvel estreou esse ano, e chegou prometendo muito, hein! E são as minhas impressões do que foi apresentado em Marvel’s Agent Carter o motivo desse post. 

A trama se passa em 1946, pouco tempo depois dos acontecimentos do primeiro filme do Capitão América e do curta com a agente Carter. Ela está agora trabalhando para uma organização secreta do governo, mas ainda é marginalizada pelos agentes por ser mulher. Em meio a um mundo machista, ela precisa se impor e trabalhar contra a maré para salvar o mundo. 

A Marvel/ABC não economizou no orçamento e conseguiu, com muita competência, retratar os anos 40, produzindo belas cenas de ação. E vale ressaltar que a estreia da série foi dupla, visto que logo de cara a Marvel/ABC colocou dois episódios no ar. 

Os atores estão muito bem em seus papéis e as situações criadas são bem empolgantes. Hayley Atwell é uma ótima protagonista e Dominic Cooper é interessante, bem como seu trabalho, e é engraçado ver como Howard é parecido com Tony. O restante da galera diverte-se nos papéis de agentes machistas, cada um com seu tipo de personalidade: o machão, o chefe que não quer admitir a qualidade da agente mulher, o ignorante e o cavalheiro. 


A série superou minhas expectativas. Tinha certo receio do que seria proposto, pois, vale ressaltar, a história não teria muito que apresentar, pois todos sabem o desfecho de Carter e sua importância no universo Marvel, sendo ela uma das fundadoras da SHIELD. 

Agent Carter, com seu ar retrô, as tiradas inteligentes e toda a personalidade de Hayley Atwell impressas em Peggy, são os pontos altos da série e o motivo derradeiro para continuar acompanhando uma produção que começou como um curta nos extras de Homem de Ferro 3 e hoje já é um must see da Marvel. A segunda filha da casa das ideias tem todo um tratamento de filme, com próximos episódios editados pelo próprio Kevin Feige, o mandachuva da MCU. 

Pelo fato de ter apenas 8 episódios para exibir, o orçamento mais robusto deverá dar o impulso necessário para que a primeira temporada (e única, por enquanto), fique registrada no panteão de produções da Big M. 

Para os amantes do gênero, vale a pena conferir e torcer para que Marvel’s Agent Carter tenha, quem sabe, mais uma nova temporada.

Leia Também:

Leandro Faria
Artur Lima: aficionado por cinema, música, seriados e livros, não nesta ordem, apaixonado por dias frios e chá. Estudante de Comunicação Social, acha que sabe de tudo e sonha em trabalhar com cinema.
FacebookTwitter



3 comentários:

Mila disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Mila disse...

Oi, gostaria de saber de que forma você acompanha esta série? Se por acaso quisesse encontra-lá legendado não teria como né? To bem por fora dessas paradas.

Artur Lima disse...

Oie Mila Tudo bem? Eu faço download e depois adiciono a legenda, tem vários sites que disponibilizam online também.

Share