26 de fev de 2015

A Vida Do Livreiro A. J. Fikry, de Gabrielle Zevin





Um livro para quem gosta de livros. É assim que posso resumir essa obra de Gabrielle Zevin, um livro sutil e de fácil leitura, que certamente encanta seu leitor. 

A Vida Do Livreiro A. J. Fikry, obviamente narra a vida de A. J. Fikry, um homem de meia-idade, solitário e sem muitas perspectiva de um futuro melhor. A.J. Fikry é o livreiro de uma pequena cidade litorânea. Cheio de manias, A.J. prefere coletâneas de contos a romances, não gosta de livros com menos de 150 páginas ou mais de 400, detesta ficção infantil ou juvenil (em especial aquelas com vampiros) e edições com capas de filme. Esses são apenas alguns dos itens de uma lista enorme de implicâncias que ele despeja em Amélia, a nova representante de uma editora, em sua primeira visita à sua livraria. É que A.J. não está na melhor fase da sua vida, pois acabou de perder a esposa em um acidente de carro e prefere beber até apagar sempre que possível.

Depois de uma noite de bebedeiras, A.J. acorda e percebe que seu livro raríssimo de Poe foi furtado, mais uma desgraça para sua vida, entretanto, uma surpresa surge numa outra noite e logo muda completamente a vida dele. 

Não quero entrar em muitos detalhes para não estragar essa maravilhosa história, mas basta dizer que A.J se torna outra pessoa e que somos arrebatados por sua jornada e da pequena cidade e habitantes que ali residem. O final do livro pode ser surpreendente e me deixou de fato arrasado, porém, depois de muitos dias, entendi que a vida é assim mesmo, nem sempre como queremos ou esperamos e isso fica claro ao fim desta obra. 

Certa vez li em algum lugar que a jornada é mais importante que o final. Posso dizer que essa frase se aplica a esse livro que é, sem dúvidas, uma ótima dica para quem é amante de um bom livro. 

Autora: Gabrielle Zevin 
Páginas: 186
Leandro Faria  
Artur Lima: aficionado por cinema, música, seriados e livros, não nesta ordem, apaixonado por dias frios e chá. Estudante de Comunicação Social, acha que sabe de tudo e sonha em trabalhar com cinema.
FacebookTwitter


0 comentários:

Share