9 de fev de 2015

BAFTA e Grammy: Os Eventos Que Dominaram o Fim de Semana!





Fim de semana agitadíssimo no mundo da cultura pop! Primeiro, o Sindicato dos Diretores premiou Alejandro González Iñárritu pelo trabalho a frente de Birdman, no sábado. O filme tem colecionado uma série de prêmios importantes, confirmando assim seu favoritismo ao Oscar. Mas o agito mesmo ficou por conta do domingo, já que foram entregues o BAFTA, em Londres, e os Grammys, o mais importante prêmio da indústria musical americana, em Los Angeles.

O BAFTA reuniu a fina flor do cinema. Mas não teve nenhuma surpresa. Eddie Redmayne e Julianne Moore, J.K. Simmons e Patricia Arquette foram os melhores atores; Richard Linklater, o melhor diretor; e Boyhood, o melhor filme. Eddie Redmayne dedicou o prêmio a Stephen Hawking, que estava na plateia.


Enquanto isso nos Estados Unidos, todo mundo se contorcia para entrega dos Grammys. O agito começou mesmo no tapete vermelho, que teve de Madonna mostrando muito a Sia mostrando nada. A cerimônia contemplou Sam Smith e Beck, que ficaram com os principais prêmios da noite.  Beck já tem uma longa estrada e resta agora saber se Sam Smith conseguirá percorrer o mesmo trajeto. Talento de sobra ele tem.

Entre as apresentações, por sinal, todas excelentes, o destaque ficou mesmo com Madonna, provavelmente a atração mais esperada da noite, que cantou seu mais novo trabalho, Living for Love. A rainha do pop provou porque carrega o título, ao recriar o clipe da música no palco, e terminou sendo erguida por um cabo, deixando seus fãs enlouquecidos nas redes sociais.

Outros momentos esperados: Sia, cuja apresentação teatral contou com o carisma de Maddie Ziegler e da atriz Kristen Wiig, do Saturday Night Live e contagiou a todos; e Lady Gaga em dueto com o incrível Tony Bennett.


Momentos memoráveis:  AC/DC abrindo a festa; o colombiano Juanes e a força da música latina; Ed Sheeran com John Mayer, Questlove e Herbie Hancock no momento mega fofo da noite; Pharrel Williams recriando a música mais tocada do ano, Happy; Katy Perry emocionando a plateia; Jessie J e Tom Jones cantando juntos You’ve Lost That Lovin’ Feelin; e Annie Lennox mostrando toda a potência da sua voz em dueto com Hozier. Aliás foi de Annie Lennox a declaração a respeito do Grammy mais legal e sincera do tapete vermelho:
"Existe uma diferença entre música criativa e música comercial e isso aqui parece um circo e não é muito o meu lance, mas estou muito orgulhosa da apresentação que vou fazer e isso realmente é o que me interessa".
E assim terminamos o nosso resumão do fim de semana, galera!

É isso, então, tá! E até a próxima!

Leia Também:
Serginho Tavares  
Serginho Tavares, apreciador de cinema (para ele um lugar mágico e sagrado), de TV e literatura. Adora escrever. É de Recife, é do mar: mesmo que não vá com tanta frequência e com os pés bem firmes na terra.
FacebookTwitter

0 comentários:

Share