29 de abr de 2015

A Usurpadora: Pílulas Aleatórias Sobre a Novela do SBT




Que atire a primeira pedra quem nunca assistiu à novela A Usurpadora, exibida originalmente pelo SBT em 1999. E se você que tem menos de 16 anos, pode guardar essa pedra aí, pois a novela também foi reprisada mais quatro vezes pela emissora, em 2000, 2005, 2007, 2012, estando atualmente em sua SEXTA reexibição. 

Ufa, se você realmente, não assistiu, taí a oportunidade, se é que você já não o fez pelo Netflix, que nem o Silvio Santos. A trama mexicana conta a história de duas irmãs gêmeas (OMG! Eu só sei falar sobre isso!? Pra quem não viu e quiser ler, meu primeiro post aqui no PdB foi sobre as gêmeas Olsen). Voltando ao assunto em questão, A Usurpadora conta a história de duas irmãs gêmeas, interpretadas pela venezuelana Gabriela Spanic, que são separadas pelo destino e se encontram, por acaso (ou seria o inverso!?). Enfim, a gêmea boa encontra a gêmea má, que sugere a troca de lugares entre elas, surgindo assim o nome da trama. 

A princípio, Paulina, a boazinha da história, recusa a proposta da diabólica Paola, mas se vê obrigada a isso, assim que é acusada pela irmã de um suposto roubo. Para se livrar da cadeia, Paulina aceita a proposta de ocupar o lugar de Paola na casa da família Bracho, enquanto a irmã viaja pelo mundo com seu amante. Paulina, como forma de minimizar sua culpa em se tornar A Usurpadora, passa a tratar todos como se fossem de sua própria família. Como uma heroína, ela salva a fábrica da falência, ajuda a cunhada depressiva, cuida das crianças, e ainda cura a vovó Piedade do alcoolismo. 


Mesmo tendo mudado da água para o vinho, ninguém nota, a princípio, que não é Paola quem está vivendo na mansão, a não ser vovó Piedade, que já desconfia desde o primeiro dia, mas não revela nada para ninguém.  Mas Paulina se apaixona por Carlos Daniel, marido de Paola, e tudo é um mar de rosas, até que a megera decide voltar e ocupar seu lugar na mansão. 

Curiosidade: a novela ganhou uma continuação de 3 capítulos, chamada Além da Usurpadora, que foi exibida em três ocasiões, em 1999, 2000 e em 2012. (Me pergunto, meu Deus, onde eu estava que nunca soube disso?). 

Outra curiosidade é que a atriz Gabriela Spanic, tem uma irmã gêmea na vida real, a modelo Daniela Spanic, que inclusive fez pequenas participações na trama, contracenando com a irmã no papel das gêmeas.

Em sua sexta exibição no SBT, A Usurpadora vem fazendo bonito no IBOPE, surpreendendo na audiência na faixa da tarde. Na média, segundo os últimos relatórios divulgados, a novela tem ficado na vice-liderança no horário, atrás apenas da Globo.

Aproveitando o sucesso da novela, Gabriela Spanic, que também é cantora, virá novamente ao Brasil, dessa vez para divulgar seu disco En Carne Viva, e já preparou um Meet and Greet (encontro com os fãs). Quem desejar conhecer a musa e conversar sobre seu CD, basta desembolsar R$ 500,00.

E aí, vai encarar?

Leia Também:
Leandro Faria  
Você curte cultura pop e também quer dividir suas impressões com o resto do mundo? Se gosta de escrever e está preparado para ser lido, entre em contado conosco através do email popdebotequim@gmail.com e teremos o maior prazer em publicar suas críticas e textos sobre o mundo pop. Não perca tempo e venha já fazer parte da nossa equipe!
FacebookTwitter
Para receber os artigos do PdB por email e ficar por dentro de tudo que rola em nosso botequim, basta inserir seu contato abaixo e, pronto! Os melhores artigos, servidos de bandeja para você, da maneira mais cômoda e prática da internet:




0 comentários:

Share