7 de abr de 2015

Pop Pílulas: E o Vídeo Show, Hein?





Pop Pílulas na área, pessoal. E o que tem de novidade? Com o fim do BBB, acho que a única novidade MESMO deve ser o Vídeo Show repaginado com Monica Iozzi e Otaviano Costa. Pois é, mais uma tentativa de tentarem fazer o programa renascer das cinzas que está desde que colocaram lá o coitado do Zeca Camargo pra gritar. Depois disso, o que já era uma colcha de retalhos se tornou uma colcha de retalhos muito mal costurada.

Vídeo Show estreou em 1983, com Tássia Camargo à frente das câmeras. Buscava arquivos do passado da emissora, junto com um quadro que se tornou a cara do programa, o popular Falha Nossa. O público podia acompanhar os erros de seus astros e estrelas sempre tão perfeitinhos. Ajudava a humanizá-los, mas sem deixar de promovê-los. O programa semanal, exibido aos domingos, se tornou um sucesso.



Em 1994 a atração virou diária. Miguel Falabella foi o apresentador que mais tempo ficou no comando do programa e, por mim, ele nem teria saído. Assim como a Cissa Guimarães, a melhor repórter que o programa já teve.

Com a saída de Miguel, em 2002, o programa mudou muito. Não apenas de apresentadores. Vale frisar que depois que Tássia deixou o programa, começou um rodízio de apresentadores, praticamente todos os contratados da emissora davam as caras por lá. Até que Marcelo Tas (ex-CQC) assumiu o programa em 1987 e, depois disso, Miguel Falabella.


Enfim, como eu dizia, de lá pra cá o programa mudou muito e acho que apenas Ana Furtado conseguiu de alguma forma segurar a barra, mesmo tendo que aguentar duas malas sem alça e sem rodinhas chamadas André Marques e Bruno de Luca. Não que agora a Monica não passe por algo parecido com o Otaviano...

Mas uma grande mudança foi mesmo tirar o Zeca Camargo do Fantástico e colocá-lo ali diariamente. O apresentador bem que tentou, mas não estava à vontade e isso era evidente. Mesmo sendo uma espécie de coringa pra Globo e funcionar bem em qualquer horário e qualquer dia da semana, o programa estava precisando mudar mais uma vez.


Enfim, o Vídeo Show re-re-re-re-reestreou nessa semana e ainda é muito cedo pra opinar, portanto, vamos dar um pouco de tempo pro programa. A melhor novidade mesmo é Miguel Falabella e Cissa Guimarães voltando ao programa. Ele aparecerá sempre no final, com alguma mensagem de auto-ajuda, ops, reflexão, e ela no quadro Gentem como a Gente, coisa que, por sinal, ela já fazia muito bem antes.

Enfim, é apostar no novo, mas sem tirar muito o mofo. Bem a cara do Vídeo Show...

Leia Também:
Serginho Tavares  
Serginho Tavares, apreciador de cinema (para ele um lugar mágico e sagrado), de TV e literatura. Adora escrever. É de Recife, é do mar: mesmo que não vá com tanta frequência e com os pés bem firmes na terra.
FacebookTwitter

/div>

0 comentários:

Share