22 de mai de 2015

#ValeUmPlay - Sia





Nome: Sia Furler Kate Isobelle
Idade: 39 anos
Natural de: Adelaide, Austrália
Gênero: Pop / Dance / Jazz / Downtempo / R&B / Soul

Sia Furler Kate Isobelle é uma cantora australiana que já galga seu próprio caminho no meio da música há pelo menos 18 anos. Se você não a conhece logo de cara pelo seu primeiro nome (Sia), com certeza sua voz lhe soará familiar, uma vez que ela fez participações especiais, entre 2011 e 2012, ao lado lado de grandes nomes como David Guetta, com as músicas Titanium e She Wolf, eFlo Rida, na canção Wild Ones. Esses foram grandes sucessos e tocaram exaustivamente nas rádios mais famosas de todo o mundo, além de terem sido também premiadas com discos de ouro e platina. Mas, o que poucas pessoas sabem, é que a carreira da cantora vai muito além dessas participações especiais.

Sia, além de cantora, é também compositora, e já trabalhou ao lado de diversos artistas famosos. Nomes como Britney Spears (em Toxic e Perfume), Christina Aguilera (em You Lost Me) e Rihanna (em Diamonds) recheiam o currículo da compositora. Além de ser a queridinha de grandes profissionais da música e grandes artistas, ela também esteve envolvida na composição de We Are One (Ole Ola), faixa-tema da Copa do Mundo de 2014, que é interpretada por Pitbull, Jennifer Lopez e Claudia Leitte. Recentemente, a cantora também compôs Pretty Hurts, presente no novo e homônimo registro de Beyoncé. Vale ressaltar também que Sia participou nos vocais da banda Zero 7, o que acabou ajudando a moça a ganhar uma projeção ainda maior com sua voz, uma vez que assim ela não estava apenas por trás das composições.


Além das diversas participações, tanto como cantora ou compositora, o currículo musical da australiana traz também seus trabalhos solos que incluem cinco álbuns de estúdio, sendo o último e também o mais conhecido We Are Born, lançado em 2010. Este álbum, inclusive, fez com que ela chegasse às paradas musicais de pelo menos onze países, incluindo Austrália, Reino Unido e Estados Unidos. Se você nunca tinha ouvido mesmo falar da cantora, agora é a hora.

Sia é considerada uma hitmaker e é dona de uma voz marcante, com uma rouquidão única que casou perfeitamente com seu último álbum, trazendo um Pop com toques de R&B e Soul, diferente do padrão apresentado pelas outras cantoras do meio. Com o álbum 1000 Forms Of Fear, lançado em 2014, Sia soma 6 álbuns de estúdio, mas é neste trabalho que ela demonstra que está pronta para se colocar ao lado de grandes artistas, ao mesmo tempo que "ser famosa" não esteja entre seus principais objetivos. Recentemente, Sia adotou uma postura de se esconder da mídia, em diversos aspectos. Recusou-se a ser fotografada para entrevistas, assim como apareceu na capa da revista Billboard com um saco na cabeça. Se isso é culpa de um motivo maior ou dos problemas pessoais da cantora, ainda é difícil afirmar com certeza. Sia revelou em uma entrevista para um repórter do New York Times diversos detalhes sobre seu passado, como seu até então superado vício em drogas e bebidas, o namorado que perdeu em um acidente e uma tentativa de suicídio.


Depois dessa fase turbulenta da cantora, Sia fez uma participação ao lado de David Guetta na música Titanium, o que fez com que ela fosse ainda mais conhecida pelo grande público e sua carreira ganhasse uma notória projeção, logo após passar pelo período conturbado. Desde então, ela passou a compor mais para outros artistas, como Christina Aguilera, e até ajudou Lea Michele a compor uma faixa em homenagem a Cory Monteith (seu namorado que faleceu recentemente devido a problemas com drogas). Sia também esteve no single Elastic Heart, com Diplo e The Weeknd, na trilha-sonora do filme Jogos Vorazes: Em Chamas.

Sia tem o perfil ideal de uma grande artista, sendo também intrigante e um tanto controversa, fazendo seu nome com músicas que soam como hits já fadados ao sucesso de público e crítica. Ela, no entanto, recusa-se a assumir a culpa e o mérito por isso, por uma estranha aversão à fama, escolhendo ter então uma vida privada. Em um recente programa, Sia apresentou-se de costas e, segundo a cantora, ela não tem pretensões de ficar famosa e prefere trabalhar nos bastidores. Mas será que isso será um ponto a favor ou contra?

Observação: ressalto que o álbum 1000 Forms Of Fear está todo e por completo dominando a minha playlist, façanha essa que nenhuma outra cantora, cantor, banda e tal conseguiu. Sendo assim, #ValeUmPlay nas seguintes músicas:
Fernando Santos  
Fernando Santos, mineiro nascido no dia do amigo/dia da amizade (20 de julho). Publicitário, se vê como uma mistura da cultura pop emanada dos meios de comunicação em uma tentativa de dialogar e tomar da fonte de todas as mídias.
FacebookTwitter


2 comentários:

Ivens Cabral disse...

Nem conheço o que veio antes de 1000 Forms of Fear, mas esse cd é IN-CRÍ-VEL, não canso de ouvir *u*

Manoel Carneiro disse...

Connheço o trabalho da Sia à bastante tempo e não me incomodou a transição para o pop de vez, pelo contrário, acho que ela apenas evolui como cantora e compositora, prova disso é o reconhecimento mais que merecido que tem recaído aos montes.
Excelente texto!

Share