30 de nov de 2015

#VergonhaAlheia - Ano III - # 38





Tô de volta, gente!! E aí, como foi o final de semana? Foi bom? Foi ruim? Foi péssimo? Bem, se foi bom, eu sinto informar que eu cheguei pra piorar a situação. Se foi ruim ou péssimo... ah, já tá na merda, mesmo, né?

'Bora começar com isso aqui, ó!



Não, esse moço não tem um sobrinho de três anos que encheu a barba dele de glitter. Ele mesmo colocou glitter na barba. Pois é, é a nova moda que tá rolando por aí, ok?



"Glauco, isso não pode ser sério!". Mas é, gente, é sério, seríssimo! A ideia tem como objetivo tirar a imagem de que todo homem precisa ser machão e tal e tal, mas... precisava de tanto glitter assim? Olha bem:



A moda tem ganhado adeptos de vários lugares nas redes sociais, que tascam as selfies cheias de glitter, junto com uns filtros do Instagram. Bem, por enquanto a moda tá só no Instagram mesmo, viu, já que na vida real não tem filtro e eu não tenho tanta certeza assim de que a galera se arrisque a sair assim de casa...

Mas vale lembrar que quem lançou essa moda foram umas blogueiras (claro), que resolveram tascar glitter na raiz dos cabelos. Vamos conferir?



E eu:



Minha nossa... O pessoal da Diva Depressão chama de caspa gourmet, e eu tenho que concordar, viu? HAHAHAHA gente, eu não sei, quando eu acho que esse povo não tem mais o que inventar, surge algo novo.

E é claro, tem glitter na barba, tem glitter no cabelo, onde mais poderia ter glitter?



É...

Mudando da água pro vinho, Jô Soares falou merda outra vez. Depois da entrevista hiper tensa com a blogueira Julia Tolezano, a Jout Jout, onde ele disse que o batom vermelho a deixava com cara de puta, dessa vez Jô... bem, é melhor vocês verem por vocês mesmos:


Gente, é sério isso? Caramba, que bola fora!! E não, Jô, você não conseguiu disfarçar dizendo que pensava na Bruna Lombardi com dezenove anos. Que coisa mais ridícula! Mas, infelizmente, a gente sabe que ele só sai dali quando morrer, né? Tá senil e a Rede Globo não faz o menor esforço pra tirar ele da bancada.

(Só uma observação: na postagem original, dentre os comentários criticando a postura do Jô, eis que alguém comenta: "Petista safado". HAHAHAHA ok, né?)

Outra que não sei porque a Rede Globo ainda não tirou do ar é Claudia Leitte. Milk, depois de dar dicas de como uma mulher deve segurar o casamento, e de trocar o nome dos autores numa citação no The Voice Brasil, se intrometeu no discurso de Carlinhos Brown sobre uma candidata que tinha lúpus, dizendo o que? Que ter lúpus é realmente bem bizarro. Gente, eu não to brincando, ela disse mesmo isso.


Imediatamente a Internet reagiu ao comentário, e muitas pessoas portadoras da doença, ou que tiveram/têm parentes e amigos portadores da doença, reclamaram e exigiram que Claudia Leitte se retratasse.

Milk, eu tô te implorando, para de passar vergonha!!

E vamos fechar com o beijaço de Bruno Gagliasso e João Vicente de Castro no prêmio Men of the Year da revista brasileira GQ:



Legal, né? Um ato contra o preconceito, achei super válido! Quem não achou válido foi César Menoti, que disse:
“É assim que demonstra ser um homem com H? Se postar um vídeo transando com outro homem aí ser homem mesmo, seguindo esse raciocínio? Não sou machista, não sou hipócrita, não sou preconceituoso e não beijo outro homem na boca. Mesmo assim, continuo sendo homem com H.”
Em resposta, Bruno Gagliasso disse que adora as músicas de César Menoti e desejou a ele todo amor do mundo, pra família também. Já João Vicente disse site EGO que não conhece e nem sabe quem é o cantor, por isso prefere não comentar. 

Enquanto isso, Jean Wyllys convidou Bruno Gagliasso e João Vicente para um beijo triplo. 






Amiga, não... 

E acabou, gente. Não teve mais nada essa semana, nada que valesse as notinhas finais, então eu vou sair pela tangente. 

Boa semana, boa sorte e até a próxima segunda-feira! FUI!

Leia Também:
Leandro Faria  
Glauco Damasceno, um espírito livre, observador do tempo, da vida e das muitas timelines da web. Sonha em ter muito dinheiro pra poder cair no mundo, aprender tudo o que puder. Acredita que jazz, blues, soul, pop, samba, pagode e erudito sejam as trilhas sonoras perfeitas para a vida que leva
FacebookTwitter


1 comentários:

Unknown disse...

Acho engraçado os esquerdinhas idolatravam o Jô pq defendia a Dilma e fala algo tão despretensioso pra bebedora de menstruação e as bishas ficam ouriçadas. Continuem assim, n percam a oportunidade de fazer papel de idiota todos os dias pq o mundo precisa de rir.

Share