31 de ago de 2016

#VergonhaAlheia - Ano IV - # 25




CHEGUEI! Gente, que correria, viu?! Tudo bem com vocês? Comigo tá tudo ótimo, embora ninguém tenha perguntado. Sem mais delongas, bora pras vergonhas da semana? Sim!

Começando com dose dupla de Entretenimento, estrelando: Vogue Brasil, com participação de Cléo Pires. Tudo começou quando Cléo teve essa ideia aqui, ó:



Hum...



É... Pois é... Pois bem, a ideia foi muito simples: "Desmembrar" Paulinho Vilhena e Cléo Pires no Photoshop pra que eles, como embaixadores dos Jogos Paralímpicos, posassem como atletas paralímpicos, mas o que, na cabeça de Cléo, pareceu uma grande ideia, foi, na verdade, uma ideia de girico, porque bem, com tantos atletas paralímpicos, qual a eficácia de usar artistas famosos (embora Paulinho esteja um tanto quanto desaparecido)? 

O argumento de Cléo Pires foi de que assim a campanha ganharia visibilidade, ou seja, que pretensão, né?! Tipo, é a Vogue, cara, acho que dois atletas paralímpicos TERIAM a devida visibilidade, porque é a Vogue!

Aí, pra tentar dar uma aliviada na situação, Cléo divulgou uma foto com ela, Paulinho, e os dois atletas paralímpicos que eles representavam nas fotos. Vamos ver?


Tá, tinha a revista, tinham os dois atletas... Não consigo comprar essa ideia, sério. E mais, Cléo fez vários snaps, totalmente indignada com a má repercussão, mas agradece a repercussão, afinal.

Não contente em enfiar APENAS um pé na jaca com essa campanha, a Vogue Brasil foi lá e enfiou os dois pés na jaqueira, que é pra fuder com tudo. No domingo rolou o VMA, cerimônia criada para premiar os melhores videoclipes do ano, e como em toda premiação, teve o tapete vermelho, e essa foi a jaqueira da Vogue:


Acontece que as "bizarrices" citadas pela revista, são, na verdade, as drags de RuPaul's Drag Race, ou seja, a revista chamou todas as drags de bizarras, conseguindo, num curto espaço de tempo, fazer duas merdas imensas!

Vamos agora pra Política! Eduardo Paes, sabem? Aquele que não devia, porém, carregou a Tocha Olímpica? Eu pouco me importo com isso... Bem, Eduardo Paes foi entregar um apartamento pra Rita, e...


OMFG!

Gente, o que puseram na água desse homem? Notaram como a mulher ficou mega, hiper constrangida?! Eduardo, meu filho, senta aqui, vamos conversar... Não é assim que se faz, tá bem? Então tá. 

Ainda sobre Política, semana passada rolou o debate na Bandeirantes dos candidatos do Rio, com Alessandro Molon (Rede), Carlos Roberto Osório (PSDB), Índio da Costa (PSD), Jandira Feghali (PCdoB), Marcelo Crivella (PRB), Pedro Paulo Carvalho (PMDB) e, por último, mas não menos importante (?), Flavio Bolsonaro (PSC), que, como bom Bolsonaro que é, cantou vitória antes da hora e, nas eleições presidenciais de 2014, tuitou:


Quando, de repente, no debate da semana passada...


Iiiih, rapaz... Pois sim, Bolsonaro Jr., que já havia dado a dica do desmaio dois anos atrás, passou mal e pimba, não retornou para o debate. Bem, não é atoa que a Terra é redonda, né não? E não para por aí, pois, o que seria da Internet sem as maravilhosas especulações, não é mesmo? Vamos conferir:


"Soldado do Lula treinado pelo Putin"... É, gente... Não tem muito o que dizer, a imagem é auto-explicativa. 

Televisão! Marcelo Tas, sabem? Aquele cara bacana, defensor dos fracos e oprimidos, que liderava a bancada do CQC na Bandeirantes? Lembrou? Pois bem, Marcelo, que agora tá no GNT, também conhecida como Rede Record (porque ninguém vê!), acordou se achando engraçadão, mas tão engraçadão a ponto de bancar o machão que faz piada com mulher:



Com a legenda "Dia histórico #SóQueNão #TchauQuerida #Cafonália", o ex-famoso, ao invés de atacar o lado político da coisa, não, foi lá debochar das roupas das duas mulheres. Longe de mim defender Dilma, nem ninguém, não depois daquela foto super descontraída dela com o Aécio e o Lewandowski, mas cara, a gente tá em 2016 e tu quer fazer comentário machista só porque tá sem audiência? Só porque não vai mais pros trending topics do Twitter? Ah, me poupe, vai. Mas sei lá, acho que não devia ser surpresa essa viração de casaca, afinal, pra voltar a ter notoriedade, faz-se qualquer coisa, certo? 

Celebridade: Luisa Mell tem passado por momentos difíceis, gente, é sério. Tá tão tenso que Luisa desabafou com o pessoal da Caras: "Tem sido devastador.". A moça não consegue encontrar uma escola adequada pra matricular seu filho Enzo, que não, não tem nenhuma doença grave/incurável graças a Deus, mas é porque não existem escolas veganas no Brasil. 


Isso mesmo. Tem sido devastador descobrir que não existem escolas veganas no Brasil, e a indignação só aumentou quando Luisa foi visitar algumas escolas e viu que algumas delas têm passarinhos presos em gaiolas. 

Ah, gente, pelo amor, né?! A gente acha que a criança tem alguma doença, precisa de cuidados especiais, aí vai ver e a criança é vegana?! Não tô desmerecendo os veganos, DE FORMA ALGUMA, mas agora, o que custa levar a comidinha de casa? O que, ela não tem empregada pra arrumar a lancheira do garoto? Mal tá tendo arroz, feijão e carne nas escolas, quanto mais comida vegana. Eu, hein... 

E agora segura esse tchan aí, gente! Eu não sei o que tá acontecendo com esse pessoal, sabe? Susana Vieira, depois de dizer que a galera do Norte-Nordeste não faz a menor ideia do que tá rolando no resto do Brasil por conta da Lava Jato, bateu boca com Toni Garrido no Encontro com Fátima Bernardes

Comentando sobre a posse de Joaquim Barbosa no Supremo Tribunal Federal, a plateia participou, tudo correu como devia correr, até que Susana resolve abrir a boca e, ao invés de cantar Per Amore, a atriz disse que sua empregada, o motorista, o caseiro e sua manicure, são de uma comunidade da Rocinha, e que a galera da Barra da Tijuca não tem preconceito porque precisa deles pra exercerem essas funções... 



Em rede nacional... 

Foi aí que Toni Garrido rebateu, dizendo que isso remetia à escravidão, e tá certíssimo. Porém, como boa espalhafatosa que é, Susana saiu falando alto e sorrindo, pra evitar treta, mas Toni não se calou e o baile seguiu. 

É, Susana, parece, não sei, que a sua hora chegou, hein? Bora se aposentar enquanto a situação tá remediável, porque depois... 

E é isso, gente, vou ficando por aqui. Abraço pra quem é de abraço, beijo pra quem é de beijo, queijo pra quem é de queijo, e até a próxima semana! 

Leia Também:
Leandro Faria  
Glauco Damasceno, um espírito livre, observador do tempo, da vida e das muitas timelines da web. Sonha em ter muito dinheiro pra poder cair no mundo, aprender tudo o que puder. Acredita que jazz, blues, soul, pop, samba, pagode e erudito sejam as trilhas sonoras perfeitas para a vida que leva
FacebookTwitter


5 comentários:

jair machado rodrigues disse...

Amei o Bolsonaro Jr tontinho, qui se faz, qui se paga rsrs...gosto do estilo Serginho de ser e escrever, mas adoro ler teus posts Glauco, língua afiadíssima e um humor pra lá de contagiante.
ps. Carinho respeito e abraço.

Glauco Damasceno disse...

Hahahahahaha estamos aí pra isso, Jair!

Galvam disse...

A gente vem aqui pensa que o cara é um esclarecido e coisa e tal! Escreve bem mas é o de sempre...comunistazinho FDP fã do Lula e da Dilma!

Mauricio Rufino disse...

Galvam nazista falou mal do homem dele ficou brabinho.

Mais um Bolsominion

Glauco Damasceno disse...

Volte sempre, Galvam! Ou não, não faz diferença

Share