15 de set de 2016

#Cinema: Entre a Lei e o Salto Alto, de Jang Jin






É tão legal encontrar sem querer um filme bacana na Netflix e poder vir correndo indicar pros leitores do PdB. Aconteceu comigo e eu não posso deixar de compartilhar com vocês.

Entre a Lei e o Salto Alto é um filme coreano de 2014, dirigido por Jang Jin, e que aborda o tema da transexualidade de forma inusitada. Não sou grande fã do cinema asiático, mas este me conquistou pelo drama forte tratado com sutileza. Ji-Wook é um detetive de sangue frio, capaz de tudo para capturar criminosos. Exímio lutador, ele é conhecido como uma verdadeira máquina mortífera e temido pelos mafiosos bandidos que costuma caçar.

No entanto, apesar de sua aparência perfeitamente masculina, Ji-Wook luta contra o desejo secreto de assumir e tornar-se fisicamente o que realmente é, uma mulher. Entre uma captura e outra das gangues que persegue, Ji passa por um tratamento hormonizador, que surte pouco efeito devido aos exercícios que pratica e as lutas nas quais se envolve.

Decidido a finalmente entregar-se totalmente a sua transição, Ji-Wook encara sua última missão ao desmantelar uma perigosa quadrilha de mafiosos, desvincula-se da polícia e parte sem deixar rastros rumo à sua nova vida. Mas os chefões da máfia estão furiosos e com sede de vingança. Frustrados na busca por Ji-Wook, eles passam a exterminar e ameaçar pessoas queridas de Ji, no intuito de atraí-lo para uma revanche. Alheio às ações dos bandidos, Ji-Wook sabe pelo noticiário do assassinato de um colega da polícia e do sequestro de sua protegida, Jang-Mi.


Com Jang-Mi em perigo, Ji-Wook não hesita em salvá-la, pois os laços que os ligam são muito fortes, e são esses laços mostrados em flashback que tornam Entre a Lei e o Salto Alto um misto de ação e delicadeza, pois enquanto o filme mostra as ações de Ji-Wook no presente e sua angústia por estar preso a um corpo masculino, o policial revive seu passado em suas lembranças de infância, fazendo da história um belo filme de ação com empolgantes cenas de luta e um excelente drama, que trata de transexualidade com a devida dignidade que o tema merece.

Entre a Lei e o Salto Alto é aquela pérola escondida no fundo do oceano, um oceano chamado Netflix, que você não vai se arrepender de conferir. Fica a dica!

Leia Também:
Leandro Faria  
Esdras Bailone: leonino, romântico, sonhador, estudante de letras, gaúcho de São Paulo, apaixonado-louco pelas artes e pelas gentes.
FacebookTwitter

2 comentários:

senpai disse...

Esse filme realmente é uma pérola escondida, a última coisa que eu esperava encontrar no netflix... me sinto até triste de não ter ouvido falar nele antes. Amei, muito tocante

Manuella Augusta disse...

Eu gostei do filme.. mas fiquei com perguntas tipo " a protegida dele morreu ?" Ou "quem era a mulher dentro do carro dele na ultima parte do filme" tirando essas perguntas eu gostei bastante...

Share